6 passos para elaborar uma estratégia de marketing digital de sucesso! - Novo V20

BLOG

Novidades

6 passos para elaborar uma estratégia de marketing digital de sucesso!

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, as estratégias que envolvem o marketing digital são complexas e exigem conhecimento para serem aplicadas. Porém, como em qualquer outra área, os desafios podem ser solucionados com a ajuda de profissionais especializados.

Sabemos que algumas empresas, por serem leigas no assunto, acabam cometendo diversos erros na condução de suas ações, que, em vez de ajudar, acabam prejudicando a reputação das marcas na web.

Por isso, listamos, neste post, os 6 principais passos para elaborar uma estratégia de marketing digital eficiente. Confira!

 

1. Planejamento da estratégia de marketing digital

Muitos empresários não definem claramente os objetivos que pretendem alcançar a curto e longo prazo por meio da estratégia de marketing online, o que acaba dificultando o planejamento e a aplicação das ações.

Para evitar esse tipo de problema, uma dica é analisar o panorama atual do negócio, definir os objetivos e estipular prazos. A partir disso, é possível criar um calendário de ações para ser executado durante o ano.

Assim, sua equipe passará a ter propósitos claros, possibilitando alcançar metas importantes para alavancar as vendas, obter maior visibilidade na internet e geração de receita por este canal.

Outra dica muito importante é documentar todo este planejamento e suas etapas, junto ao prazo de execução de cada uma e compartilhar com o time envolvido. Esse registro será fundamental não somente para manter o desempenho da equipe, mas também, ao final da campanha, no momento de avaliar a eficiência das estratégias.

Para facilitar este passo, baixe o nosso modelo de calendário editorial para redes sociais e blog, que vai auxiliar sua equipe durante o planejamento, uma vez que irá registrar todo mapeamento de conteúdo, permitindo organizar e monitorar as publicações da sua empresa.

Pode parecer óbvio, mas ter uma estratégia documentada faz a diferença no processo dia a dia, pois todos sabem os passos a seguir e suas responsabilidades no atingimento dos resultados.

 

2. Elaboração das personas

É fundamental conhecer quem é o seu público para atingi-lo de forma eficiente. Nesse sentido, uma estratégia bastante utilizada é criar personas, que são uma representação de seu cliente ideal.

Para você entender melhor: as personas são personagens semifictícios, criados para representar todas as características de seus clientes.

Para isso, existem técnicas aplicadas por meio de pesquisas que buscam identificar o perfil deste público.

Uma dica para você começar a montar a sua é realizar pesquisas com indivíduos que já são seus clientes. Com isso, você tem a possibilidade de reunir informações e cruzar os dados para entender exatamente as características em comum, atividades, hábitos, objetivos e dúvidas deles.

Para elaborar essa pesquisa de maneira eficaz, pense em tudo o que é importante conter nesse questionário para obter respostas assertivas e formar esse “personagem” que representa seu público-alvo.

A partir daí, comece a traçar sua persona, de acordo com a média de idade, os hábitos semelhantes, as dúvidas, os objetivos, o tipo de conteúdo que a maioria pesquisa, e assim por diante. Ao final, documente esses resultados, formando um perfil semelhante ao exemplo abaixo:

3 passos para elaborar uma estratégia de marketing digital

 

Este documento servirá como norte para sua estratégia e lhe dará insumos importantes, como por exemplo: qual tipo de linguagem utilizar, em quais redes sociais sua marca deve estar para atingir este cliente e que tipo de conteúdo deve ser produzido.

 

3. Produção de conteúdo relevante

Uma das maiores tendências da atualidade no mundo do Marketing é a vertente do Marketing de Conteúdo, que é uma estratégia pensada para atrair seu público-alvo por meio da disponibilização de um conteúdo relevante em seus canais (blog, redes sociais, e-mail marketing).

Em outras palavras, você deve produzir materiais que sejam interessantes para seu público. Este conteúdo deve falar a cerca de seu mercado e responder as dúvidas de suas personas.

O objetivo é gerar autoridade para sua marca, pois uma vez que você disponibiliza conteúdo rico, sua empresa se torna referência, e quando um cliente em potencial estiver tomando a decisão de compra, você será a opção considerada, por ter gerado valor, confiança e credibilidade.

Para produzir conteúdo relevante de modo eficiente, é fundamental conhecer seu interlocutor, pois somente assim você saberá como conversar diretamente com ele, dando respostas para suas dúvidas e entregando soluções para seus problemas.

Apesar de suas técnicas estarem cada vez mais atreladas aos canais digitais (blogs, sites e redes sociais), o Marketing de Conteúdo não é exatamente uma novidade, pois suas estratégias já eram utilizadas desde o século passado.

Um exemplo é o “Guia Michelin”, uma revista com dicas para quem viaja de carro que circula no mundo inteiro. Ele foi criado em 1900, pela empresa de pneus Michelin, e segue em atuação até hoje, atrelando a imagem da marca à experiência do turismo.

Mas lembre-se, o marketing de conteúdo não é sobre sua empresa, produto ou serviço, e sim, sobre soluções. Como premissa, deve conter respostas para as dúvidas de seus clientes, sendo persuasivo e não intrusivo, por meio de material educativo e agregador. E aqui, vale uma regrinha de ouro, que é você falar 80% de seu mercado, respondendo dúvidas e indicando soluções e 20% sobre sua empresa efetivamente. Este balanço ajuda a dosar e mesclar os materiais produzidos.

Você pode estar pensando: “Ok, mas na prática, como se aplica? Veja alguns de nossos exemplos:

Blog V20

Blog V20

Produzir conteúdo relevante que ajude sua persona é essencial para gerar tráfico qualificado para o seu site, obter reconhecimento de marca e melhorar o engajamento e interação com seu público.

 

4. Otimização de mecanismos de busca (SEO)

Se você agora está considerando criar um blog para sua empresa para hospedar todo este conteúdo rico que mencionamos no passo anterior, antes de colocar a mão na massa é importante conhecer sobre Search Engine Optimization (SEO), ou “otimização para mecanismos de busca”, traduzindo para o português.

O SEO é um conjunto de estratégias que têm como função melhorar o rankeamento das empresas em sites de pesquisa como o Google. São técnicas para otimizar seu posicionamento na lista de resultados, garantindo que seu site fique nas primeiras posições.

Algumas ações para tanto são a escolha de palavras-chave corretas (sabendo como posicioná-las em seu texto), a produção de material rico e a escrita com clareza, faz com que o Google identifique seu conteúdo como uma solução para um problema e o interprete como relevante, pautando-se nestes critérios para determinar sua posição.

Nesse sentido, é importante ressaltar que os dados indicam que somente os 5 primeiros resultados mostrados pelo Google já “roubam” 67% dos cliques em uma pesquisa. Ou seja, a maior parte das pessoas nem sequer chegam à segunda página.

Vale mencionar que as técnicas de SEO não se aplicam apenas aos conteúdos como, artigos, ebooks, etc. Mas também a uma série de ações dentro do site da empresa para otimiza-lo.

Veja alguns exemplos trabalhados em estratégia de SEO:

  • Título da página;
  • Url;
  • Descrição (meta description);
  • Número de palavras chave no texto;
  • Palavra chave no h1 e em um ou mais h2;
  • Palavras chave relacionadas;
  • Links que direcionam para o site (link building);
  • Site responsivo.

Mas este é assunto para o nosso próximo blogpost onde iremos abordar sobre SEO, suas técnicas e importância. Se não quiser perder este conteúdo, assine nosso blog e o receba em primeira mão.

 

5. Anúncios Pagos

Para uma empresa que ainda está dando os primeiros passos no Marketing Digital, utilizar os anúncios pagos é uma maneira rápida de aumentar sua visibilidade, já que eles impulsionam o alcance das suas publicações.

Existem várias opções de anúncios. O chamado Google display, por exemplo, funciona da seguinte forma: você pode comprar um espaço em um site (como jornais online ou portais que sejam relevantes para seu negócio) e colocar seu banner. Existem duas formas de cobranças para estes anúncios, que são o CPC (custo por clique) e o CPM (custo por mil). No primeiro exemplo, você pagará somente quando as pessoas clicarem em seu anúncio, já no segundo, você pagará a cada mil visualizações nele.

Veja um exemplo de rede Display. O Anúncio está em um portal online, posicionado a direita, conforme indicado pela seta:

 

Anuncio Display

 

Também temos os links patrocinados, que são aqueles que aparecem como resultados em destaque nos buscadores como o Google:

Adwords V20 Exemplo

Vale ressaltar, porém, que no caso dos links patrocinados não basta somente pagar para que sua divulgação seja eficiente. Um passo fundamental é saber escolher bem suas palavras-chave para atingir o público-alvo desejado, por isso você deve saber utilizar as ferramentas também nesta situação.

Conhecidas como planejadores de palavras chave, elas irão indicar o volume de busca mensal que aquele termo obteve em pesquisas. Se a palavra que você está cogitando utilizar tiver um volume baixo de busca, talvez não seja interessante fazer seu anuncio com ela, sendo assim, o indicado é buscar sinônimos para palavras chave que tenham mais procura.

Outra opção bastante utilizada também em links patrocinados são os anúncios em redes sociais. Falando especificamente do Facebook, a maior rede social do mundo, é possível configurar diferentes tipos de anúncios para diversas finalidades, desde divulgar seu site, até a divulgação de um post do seu blog, além de produtos e serviços. Os modelos são variados bem como seus objetivos. Veja algumas das opções:

 

FB Exemplo de Post

FB Exemplo de Post

FB Exemplo de Post

FB Exemplo de Post

 

A forma de pagamento segue praticamente o mesmo mencionado acima: CPC (custo por clique) e CPM (custo por mil) que são as modalidades mais utilizadas.

Realmente existem várias possibilidades quando falamos de mídia paga e é importante contar com profissionais que tenham conhecimento nestes canais, pois poderão determinar de acordo com a estratégia e o perfil da empresa, quais as ferramentas e plataformas mais eficientes para investir.

 

6. Mensuração dos resultados

Muitas empresas não sabem, mas um dos mais importantes benefícios do marketing digital é a mensuração dos resultados, desde visualizações em seu site, tempo médio de visitas, até o ROI (retorno sobre o investimento). Essas são algumas das inúmeras possibilidades de métricas disponíveis.

Se formos comparar a estratégia de marketing digital com a publicidade tradicional, por exemplo, quando as marcas investem em anúncios de emissoras de TV, jornais, rádios e outdoors, veremos que as ações de marketing na web são muito mais eficazes e de fácil mensuração.

Por meio dos anúncios da publicidade tradicional, é impossível medir os resultados com precisão. Por exemplo, se uma pessoa olhar sua propaganda na TV e comprar o produto divulgado, como saberá que ela procurou a sua marca por ter visto esse anúncio?

Na internet, o cenário é outro: você tem a possibilidade de observar a taxa de conversão de leads, ou seja, a quantidade de pessoas que se engajaram em uma determinada ação.

Mas tenha atenção, pois, ao mesmo tempo que é o principal benefício, mensurar também acaba sendo um grande desafio, já que não conhecer as ferramentas adequadas e não usá-las corretamente pode comprometer a eficiência de suas ações.

O ideal é que você invista em treinamentos e cursos para utilizar os canais adequados e mirar os dados corretos, sem cair em armadilhas de métricas da vaidade.

Ou, conte com uma agência especializada, pois os profissionais saberão como mensurar e definir quais são as métricas mais importantes para analisar. Afinal, por meio delas é possível verificar o que está sendo eficiente e o que precisa ser ajustado.

Pensando nisso, desenvolvemos um artigo dedicado à elas para te ajudar na hora de medir o sucesso de suas campanhas: Métricas digitais: quais são as mais importantes para sua empresa?

E aí, gostou de aprender como elaborar uma estratégia de marketing digital? Gostaria de receber um diagnóstico gratuito para ver como está a sua estratégia online? Clique aqui!

Comentários

comentários

Be the first to comment “6 passos para elaborar uma estratégia de marketing digital de sucesso!”